Orações

Eu vos amo, meu Deus, de todo o meu coração e sobre todas as coisas, porque sois infinitamente bom e amável, e antes quero perder tudo do que vos ofender. Por amor de vós, amo meu próximo como a mim mesmo.

Eu espero, meu Deus, com firme confiança, que pelos merecimentos de meu Senhor Jesus Cristo me dareis a salvação eterna e as graças necessárias para consegui-la, porque vós, sumamente bom e poderoso, o haveis prometido a quem observar fielmente os vossos mandamentos, como eu proponho fazer com o vosso auxílio.

Eu creio firmemente que há um só Deus, em três pessoas realmente distintas, Pai, Filho e Espírito Santo, que dá o céu aos bons e o inferno aos maus, para sempre. Creio que o Filho de Deus se fez homem, padeceu e morreu na cruz para nos salvar, e que ao terceiro dia ressuscitou. Creio tudo o mais que crê e ensina a Santa Igreja Católica, Apostólica, Romana, porque Deus, verdade infalível, lho revelou. E nesta crença quero viver e morrer.

Invocação

Oh! Bom Jesus, faze com que eu seja sacerdote segundo o Teu coração.

Oração

Justíssimo Jesus, Tu que com extraordinária bondade me chamaste, entre milheiros de homens, à Tua seqüela e à sublime dignidade sacerdotal, concede-me, peço-Te, a Tua divina força para que eu possa cumprir corretamente o meu ministério. Imploro-Te, Senhor Jesus, faze reviver em mim, hoje e sempre, a Tua graça, que me foi dada pela imposição das mãos do bispo. Oh! Potentíssimo médico das almas, cura-me de tal modo que não recaia nos vícios, que me tenha afastado de todo pecado e que possa agradar-Te até a minha morte.

Amém.

 

Senhor, vós me chamaste ao ministério sacerdotal em um momento concreto da história no qual, como nos primeiros tempos apostólicos, quereis que todos os cristãos, e de modo especial os sacerdotes, sejam testemunhas das maravilhas de Deus e da força do vosso Espírito. Fazei que eu também seja testemunha da dignidade da vida humana, da grandeza do amor e do poder do ministério recebido: tudo isso com o meu peculiar estilo de vida a vós entregue por amor, só por amor e por um amor grandíssimo.Fazei que minha vida celibatária seja a afirmação de um “sim”, gozoso e alegre, que nasce da entrega a vós e da dedicação total ao próximo a serviço de vossa Igreja. Dai-me força em minhas fraquezas E também gratidão em minhas vitórias. Mãe Imaculada, que destes o mais grandioso e maravilhoso “sim” de todos os tempos, que eu saiba converter minha vida quotidiana em fonte de generosidade e entrega, e junto a vós, aos pés das grandes cruzes do mundo, associai-me a dor redentora da morte de vosso Filho, para gozar com Ele do triunfo da sua ressurreição para a vida eterna. Amém.

Oração que os sacerdotes podem recitar todos os dias:

Deus onipotente, que a Tua graça nos ajude, para que nós, que recebemos o ministério sacerdotal, possamos servir-Te de maneira digna e com devoção, com toda pureza e reta consciência. E se não conseguirmos dispor a vida com tão grande inocência, todavia nos concede chorar dignamente pelo mal que fizemos e servir-Te fervorosamente com o espírito de humildade e com o propósito de boa vontade. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

 

Oração para implorar a graça da proteção da castidade.

Senhor Jesus Cristo, esposo da minha alma, deleite do meu coração, ou melhor, meu coração e minha alma, prostro-me diante de Ti de joelhos, rezando-Te e suplicando-Te com todo o meu fervor para que me concedas preservar a fé que me deste de modo solene. Por isso, dulcíssimo Jesus, que eu rejeite toda impiedade, seja sempre contrário aos desejos carnais e às concupiscências terrenas, que atacam a alma e que, com a Tua ajuda, eu conserve íntegra a castidade.

Oh! Santíssima e imaculada Virgem Maria, Virgem das virgens e Mãe nossa amantíssima, purifica todos os dias o meu coração e a minha alma, pede para mim o temor ao Senhor e pede particularmente pouca confiança nas minhas próprias forças.

São José, protetor da virgindade de Maria, protege a minha alma de todo pecado. Todas vós, Virgens Santas que seguem, onde quer que seja, o Cordeiro de Deus, sede sempre solícitas em relação a mim, pecador, para que não peque, em pensamentos, palavras e obras e nunca me afaste do castíssimo coração de Jesus.

Amém.

Meu Deus e Senhor, quero pedir-Te que este filho que me deste esteja cada vez mais próximo de Ti. Eu quero corresponder a tua generosidade, entregando-o novamente em tuas mãos.

Faz com que na minha vida haja uma hora suprema de felicidade em que eu veja a Hóstia da salvação nas mãos de meu filho.

Sei que não mereço este favor, porém tu me concedeste a graça de crer e esperar em Ti.

Eu quero que um filho sacerdote seja a alegria dos meus últimos dias.

Meu Deus e Senhor, que do tronco áspero do meu coração, brote um ramo para o teu altar.

Que o Sumo e Eterno Sacerdote se detenha diante da minha pobre herança e pegue para si o fruto do meu jardim.

Amém.

Senhor Jesus, presente no Santíssimo Sacramento do Altar, que vos quisestes perpetuar entre nós por meio de vossos sacerdotes, fazei com que suas palavras sejam somente as vossas, que seus gestos sejam os vossos, que sua vida seja o fiel reflexo da vossa. Que eles sejam os homens que falem a Deus dos homens e falem aos homens de Deus. Que não tenham medo de servir, servindo a Igreja como ela quer ser servida. Que sejam homens, testemunhas do eterno nosso tempo, caminhando pelas estradas da história com vosso mesmo passo e fazendo o bem a todos. Que sejam fiéis aos seus compromissos, zelosos de sua vocação e de sua entrega, claros reflexos da própria identidade e que vivam com alegria o dom recebido. Tudo isso vos peço pela intercessão de vossa Mãe Santíssima: ela que esteve presente em vossa vida, esteja sempre presente na vida dos vossos sacerdotes.

Amém.

Meu bom Jesus, que nos chamastes do nada para a existência e, quando caímos, levantais-nos de novo, olhai com bondade para estes seminaristas de nossa Diocese e fazei que se tornem sacerdotes segundo o Vosso Coração.

Ouvi as nossas súplicas por eles e de modo especial pelo seminarista (nome), por quem quero rezar todos os dias e ajudá-lo segundo minhas possibilidades em suas necessidades materiais.

Nesta terra, como recompensa não quero outra coisa senão vê-lo servindo a Deus em santidade e que junto ao Altar de Deus se lembre sempre de rezar por nós.

Oh Maria, minha mãe, sob a vossa proteção querermos colocar esses seminaristas, guarda-os como filhos vossos.

Amém.

Senhor da messe e pastor do rebanho, faz ressoar em nossos ouvidos teu forte e suave convite: “Vem e segue-me”! Derrama sobre nós o teu Espírito, que Ele nos dê sabedoria para ver o caminho e generosidade para seguir tua voz. Senhor, que a messe não se perca por falta de operários. Desperta nossas comunidades para a missão. Ensina nossa vida a ser serviço. Fortalece os que querem dedicar-se ao Reino, na vida consagrada e religiosa. Senhor, que o rebanho não pereça por falta de pastores. Sustenta a fidelidade de nossos bispos, padres e ministros. Dá perseverança a nossos seminaristas. Desperta o coração de nossos jovens para o ministério pastoral em tua Igreja. Senhor da messe e pastor do rebanho, chama-nos para o serviço de teu povo. Maria, Mãe da Igreja, modelo dos servidores do Evangelho, ajuda-nos a responder SIM. Amém.

Senhor, dai-nos Padres:

Para oferecerem todos os dias o Sacrifício divino.
Para reconduzirem a vós numerosos filhos afastados.
Para iluminarem a fé em todos os que crêem em Vós.
Para ensinarem o Evangelho às almas que o desconhecem.
Para darem vosso perdão ao pecador arrependido.
Para distribuírem a Comunhão às almas famintas de Vós.
Para ajudarem os agonizantes e consolarem os sofredores.
Para acenderem no coração dos homens o amor fraterno.
Para abençoarem nossos lares, oficinas e campos.
Para salvarem nosso Brasil, fazendo-o voltar sempre mais para Vós.
Para que espalhem, no meio de nós, o vosso Reino.

E guiem nossos passos no caminho do Céu.